Olá ! Sejam bem vindos ao Lendo e Sendo , neste portal estarei indicando leituras , filmes, eventos, links, saudáveis aonde você poderá ler e ser alguém melhor em sua vida ! Quem lê mais , escreve melhor e comprende o universo de forma mais abrangente ! Ler é Ser , porque cada palavra ou imagem que lemos e que entra em nossa cabeça nos alimenta os pensamentos e sentimentos transformando o nosso ser, ampliando os nossos horizontes , por isto é muito importante escolhermos bem o que vamos ler, assistir e digerir em nossos pensamentos e sentimentos, uma boa leitura nos leva a uma viagem no tempo, nos traz na imaginação cores, sabores, cheiros, emoções, sentimentos, sensações e tudo isto fica fazendo parte de um tesouro que você poderá levar para onde você for e dar pra quem você quizer sem perder nenhuma grama dele, Legal Né? Então embarque nessa ,
mergulhe neste oceano de conhecimento universal , seja feliz e boa viagem !
Abraço , Profa. Érica monteiro

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

O Espírito Natalino

Uma vez participei de um concurso literário num Shoping de SP.
Nele produzi este texto .
Espero que gostem !
Abraços,
Pro Érica

O Espírito Natalino fez : 
o Anjo Gabriel aparecer;  Maria conceber;
Jesus nascer;  uma estrela brilhar;
três Reis Magos viajar e dar presentes; 
pastores e ovelhas irem visitar !
Hoje, presépios dos mais diversos
tamanhos e materiais artísticos
remontam esta cena vivida há mais
de 2000 anos passados;
iluminando as cidades com luzes coloridas,
 árvores, anjos, estrelas, sinos;
Papai  Noel e sua equipe aparecem
com suas lindas roupas e barbas,
 distribuindo presentes, recebendo cartinhas
e sua “ fábrica de brinquedos”
trabalha a todo vapor ;
 as famílias se reúnem;
pessoas fazem as pazes  e se amam;
cozinheiras atarefadas  preparam
os mais deliciosos quitutes;
os lojistas e serviços natalinos
vendem a mil por hora,
 espalhando a energia
da prosperidade pelo mundo ;
as pessoas enviam as mais lindas 
mensagens positivas umas pras outras;
amigos secretos se revelam;
as pessoas rezam; 
os anjos do céu e corais 
de todas as idades
cantam músicas divinas;
levando todos a pensar
em um significado maior da vida ;
e  renova-se a esperança de
que o Bem  existe no Universo,
 vindo ao mundo com sua força
de Luz, Paz, Amor e Salvação...
 JESUS...
O Mestre que nos ensina a querer bem,
a ser fraternos,
a amar ao próximo como a nós mesmos,
a ter fé , esperança e confiança,
dando-nos as chaves
do bem conviver,
 do ser feliz, do ser fraterno,
do ser bondoso, do ser criança,
do ser  alegre e gentil,
 que em sua peregrinação
deu tantas demonstrações de que
O Poder Superior 
pode fazer tudo o que quiser,
até o  que  nós seres humanos 
achamos impossível ,
 como cegos virem a luz, 
paralíticos andar, mortos ressuscitar ...

Quem é este espírito tão poderoso
capaz de fazer tudo isto acontecer?

É
simplesmente
 DEUS...

Amai-vos e Amem Jesus !!

Érica Monteiro
Texto escrito em 13/12/2004

Então é Natal

Minha gente boa ! E mais um ano termina e começa outra vez !
Me faz lembrar desta música da Simone , que nos traz uma reflexão de como vamos aí !
Sempre lembremos que Jesus é o Aniversariante do Dia e que é Graças a Ele que esta festa acontece em diversos lugares do mundo !
 Uma festa Linda que envolve as famílias ao redor das mesas para ceiar e conviver , dentro desta escola chamada Vida,
 aonde a maior lição ELE vem nos ensinando o AMOR !
Abraços a todos e Votos sinceros de Sempre sermos pessoas
do BEM na Terra e no Céu !
Viva a Sagrada Família e a Nossa !

Pro Érica

Segue a letra da música

Então é NATAL
Simone


Então é Natal, e o que você fez?
O ano termina, e nasce outra vez.
Então é Natal, a festa Cristã.
Do velho e do novo, do amor como um todo.
Então bom Natal, e um ano novo também.
Que seja feliz quem, souber o que é o bem.

Então é Natal, pro enfermo e pro são.
Pro rico e pro pobre, num só coração.
Então bom Natal, pro branco e pro negro.
Amarelo e vermelho, pra paz afinal.
Então bom Natal, e um ano novo também.
Que seja feliz quem, souber o que é o bem.

Então é Natal, o que a gente fez?
O ano termina, e começa outra vez.
E Então é Natal, a festa Cristã.
Do velho e do novo, o amor como um todo.
Então bom Natal, e um ano novo também.
Que seja feliz quem, souber o que é o bem.

Harehama, Há quem ama.
Harehama, ha...
Então é Natal, e o que você fez?
O ano termina, e nasce outra vez.
Hiroshima, Nagasaki, Mururoa...

É Natal, É Natal, É Natal.











Presépio produzido
na oficina dirigida
por mim em
Campo Grande MS 2010

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

MÊS DA CRIANÇA

EM TEMPO, AINDA NESTE MÊS DE OUTUBRO
 QUERO AQUI DESTACAR ALGUMAS COISA ESPECIAL EM NOME DAS CRIANÇAS
SEMPRE LEMBRANDO QUE A FAMÍLIA QUE SE AMA PROPORCIONA A SEUS FILHOS


UM LAR FELIZ BASE SÓLIDA PARA A BOA FORMAÇÃO DOS SERES HUMANOS


ÉSTE É O MELHOR PRESENTE QUE NÓS PAIS E EDUCADORES


PODEMOS DAR PRAS CRIANÇAS DESTE MUNDO !
Abraço
Pro Érica

Declaração dos Direitos da Criança




1º Princípio – Todas as crianças são credoras destes direitos, sem distinção de raça, cor, sexo, língua, religião, condição social ou nacionalidade, quer sua ou de sua família.


2º Princípio – A criança tem o direito de ser compreendida e protegida, e devem ter oportunidades para seu desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual e social, de forma sadia e normal e em condições de liberdade e dignidade. As leis devem levar em conta os melhores interesses da criança.


3º Princípio – Toda criança tem direito a um nome e a uma nacionalidade.


4º Princípio – A criança tem direito a crescer e criar-se com saúde, alimentação, habitação, recreação e assistência médica adequadas, e à mãe devem ser proporcionados cuidados e proteção especiais, incluindo cuidados médicos antes e depois do parto.

5º Princípio - A criança incapacitada física ou mentalmente tem direito à educação e cuidados especiais.

6º Princípio – A criança tem direito ao amor e à compreensão, e deve crescer, sempre que possível, sob a proteção dos pais, num ambiente de afeto e de segurança moral e material para desenvolver a sua personalidade. A sociedade e as autoridades públicas devem propiciar cuidados especiais às crianças sem família e àquelas que carecem de meios adequados de subsistência. É desejável a prestação de ajuda oficial e de outra natureza em prol da manutenção dos filhos de famílias numerosas.


7º Princípio – A criança tem direito à educação, para desenvolver as suas aptidões, sua capacidade para emitir juízo, seus sentimentos, e seu senso de responsabilidade moral e social. Os melhores interesses da criança serão a diretriz a nortear os responsáveis pela sua educação e orientação; esta responsabilidade cabe, em primeiro lugar, aos pais. A criança terá ampla oportunidade para brincar e divertir-se, visando os propósitos mesmos da sua educação; a sociedade e as autoridades públicas empenhar-se-ão em promover o gozo deste direito.


8º Princípio - A criança, em quaisquer circunstâncias, deve estar entre os primeiros a receber proteção e socorro.


9º Princípio – A criança gozará proteção contra quaisquer formas de negligência, abandono, crueldade e exploração. Não deve trabalhar quando isto atrapalhar a sua educação, o seu desenvolvimento e a sua saúde mental ou moral.


10 º Princípio – A criança deve ser criada num ambiente de compreensão, de tolerância, de amizade entre os povos, de paz e de fraternidade universal e em plena consciência que seu esforço e aptidão devem ser postos a serviço de seus semelhantes.


                                                              Crianças cantando felizes




quinta-feira, 2 de setembro de 2010

SETEMBRO
















Gente Boa !
Hoje acordei sentindo a força da primavera chegando e das crianças também ! São Paulo está ensolarada e aonde eu moro perto da floresta da Cantareira muitas flores estão exalando seu intenso e doce perfume, Tudibom !  Se liga nessa ! Ab Érica monteiro

Rituais de Primavera
Por: Rose Aielo Blanco*


"Quando as nuvens parecerem pedras e flores, a terra será renovada por chuvas de primavera".
E chega a primavera! É o despertar da natureza que sai de seu repouso de inverno e traz um renascer, uma renovação que invade a vida vegetal e animal. Para nós, humanos, também é um tempo de recarregar as energias, absorver a força da natureza, revigorar e rejuvenescer. "
http://www.jardimdeflores.com.br/CURIOSIDADES/A41rituais_primav.htm


Festa da Primavera


" Primavera é quando, num pedacinho da Terra, as flores se abrem,
o sol fica mais forte e a vida fica mais alegre.
Quando, num canto da Terra, se faz primavera,
nos outros cantos se faz verão, inverno e outono.
Das quatro estações, a primavera é a mais bonita, porque colore a terra,
perfuma o ar e contagia os corações sensíveis com sua alegria.
Bom seria se a primavera acontecesse o tempo todo, em todos os corações humanos...
florescendo na forma de atos, palavras e pensamentos, sempre positivos...
Se cada ser vivente, fosse como uma flor, bela, pura e cheirosa,
toda a terra viveria uma eterna primavera...
Dependendo de cada um, fazer do próprio coração, a terra...
Semeá-lo e cuidá-lo, para cultivar o espírito da primavera, todo o tempo...
Em qualquer estação... "
(poema do site La Salle 100 anos de Brasil)


CASA DAS ROSAS

CASA DAS ROSAS – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura



Cursos dos meses de Agosto e Setembro


Cultura Hindu: O Mahabharata. É o texto mais importante do hinduismo, portanto fundamental para grande parte da cultura indiana. Narra a saga da dinastia Bharata e a rivalidade entre os príncipes Pandava e Kaurava. Ao longo da narração, são discutidas as relações entre o individuo e a sociedade e entre o individuo e o universo. Dias 15, 22 e 29/8, das 19h às 21h.


Poesia Concreta: “Concepção, realização, presença”. O curso abordará as bases conceituais e estéticas da poesia concreta brasileira e as proposições apresentadas nos textos produzidos pelo movimento. Dias 12, 19 e 26 de agosto e 2, 9, 16, 23 e 30 de setembro, as terças-feiras, das 19h às 22h.


Poesia: Leitura, Análise e Interpretação. O curso fornecerá fundamentos para a leitura, análise e interpretação e discussão de poemas. Dias 16, 23 e 30 de agosto e 6, 13, 20 e 27 de setembro, sábados, das 10h30 às 13h30.






Projeto Escrevivendo Memórias de Amor – Oficina de Escrita e Leitura para o Cotidiano. Serão discutidos alguns gêneros literários utilizados na construção de um blog pessoal, o objetivo é incentivar jovens e adultos a produzir textos. Dias 16, 23 e 30 de agosto e 6, 13, 20 e 27 de setembro, aos sábados, das 10h30 às 13h30.


Textos em Movimento. A oficina pretende desenvolver a interpretação de textos, com enfoque voltado para o corpo e a fala. Dias 16, 23, 30 de agosto e 6, 13, 20 e 27 de setembro, aos sábados, das 10h30 às 13h30.


Centro de Dramaturgia Contemporânea. Tem por objetivo o estudo e o desenvolvimento de textos dramatúrgicos através de exercícios. Dias 16, 23, 30 de agosto e 6, 13, 20 e 27 de setembro, aos sábados, das 14h30 às 17h30.






Rascunhos Poéticos. O grupo palestrante pretende criar poemas e textos com inspiração de músicas, imagens e filmes. Dias 16, 23, 30 de agosto e 6, 13, 20 e 27 de setembro, aos sábados, das 14h30 às 17h30.


Centro Cultural
Casa das Rosas  


Diretor: Frederico Barbosa


Av. Paulista, 37 -Bela Vista


Fone: 11 3285-6986/ 3288-9447


Funcionamento: Terça a sexta, das 10h às 22h. Sábados e domingos, das 10h às 18h.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

FINALIDADE DA VIDA



Desconheço o autor, mas como é um texto excelente coloco aqui  para reflexão!

Finalidade da vida

A maioria das pessoas (pelo menos 90% da humanidade) não sabe que a finalidade da vida terrena é o aprimoramento espiritual. A maioria acredita que a finalidade da vida, aqui na Terra, é crescer, estudar, formar-se em alguma profissão, trabalhar, namorar, casar, ter filhos, comprar a casa própria, ter um carro, viajar nas férias ou nos finais de semana, ir à praia no verão, etc. E ainda podemos dizer que a finalidade da vida para a maior parte desses 90% se resume em estudar, namorar, arranjar um bom emprego, casar, ter filhos, netos e se aposentar. Pronto: a pessoa está realizada. Teve uma vida normal, uma vida correta, como ditam as regras socioculturais.
Mas não é nada disso. Tudo aqui na Terra é importante, mas não é a finalidade, não é o principal.

Tudo aqui na Terra são meios de se aprimorar espiritualmente. O estudo, o trabalho, o casamento, o lazer, etc., são meios de a pessoa evoluir.

Através do estudo a pessoa evolui, porque desenvolve o raciocínio e adquire cultura para poder, assim, compreender melhor a obra divina. Em outras palavras, um analfabeto não tem acesso à literatura religiosa, às obras espiritualistas que falam de sabedoria. Em geral, uma pessoa que só tem o curso primário não tem vocabulário para entender certas obras que falam dos mistérios da vida. Por isso o estudo ajuda na evolução da pessoa ou, pelo menos, deveria ter essa função.

A finalidade principal do casamento é fazer com que o casal desenvolva as qualidades necessárias à boa convivência, em geral. O casamento é, antes de tudo, uma escola de amor, tolerância, paciência, compreensão, solidariedade, confiança, etc. Mas, a maioria não sabe que o casamento é, antes de tudo, uma escola. Acha que o casamento não passa de um acontecimento social, cultural, sexual, procriador.

O carro que a pessoa compra não é só para ir à praia, passear com a família ou, até mesmo, para esnobar diante da vizinhança, mas também para facilitar o acesso da pessoa ao trabalho, à faculdade, socorrer um vizinho que passou mal, etc.

Ser pai, ou mãe, não é sentir-se orgulhoso porque o filho só tira notas boas na escola, porque o filho é bonito, porque o filho ganhou uma medalha na natação, porque o filho se formou em engenharia, porque o filho fez um casamento bonito e promissor. Ser pai é, antes de tudo, ser um educador. O bom pai evolui com a experiência de criar e educar um filho. E é isso o que Deus espera da pessoa, ou seja, que ela evolua através dessa experiência.

Fazer amigos é importante, mas a finalidade principal da amizade não é ter companhia para ir ao cinema, à praia, ao teatro, viajar, papear, etc. A principal finalidade da amizade é a ajuda mútua que conduz à evolução. Porém as pessoas, em geral, só se aproximam das outras, na qualidade de amigas, por interesses que não são a amizade verdadeira (ajuda mútua, união, solidariedade, apoio).


A finalidade do trabalho não é propriamente ganhar dinheiro. É, antes de tudo, servir, construir, produzir, ser útil. E, por acréscimo, a pessoa ainda desenvolve a honestidade, o bom relacionamento, o respeito, a solidariedade, etc. Por isso, a finalidade principal de qualquer trabalho é o mesmo, não importando se é o trabalho de um gari ou o de um médico. É por isso que todo trabalho tem que ser feito com amor, honestidade, boa vontade, gratidão, alegria, etc., porque é isso que está em primeiro lugar. É isso que faz a pessoa evoluir. É o aprimoramento espiritual através do trabalho. E através de tudo que há na Terra.


Não importa que você erre. Não importa que você tenha momentos de desânimo. O importante é que você vá eliminando o maior número de defeitos que você tem. Você não vai conseguir eliminar todos os seus defeitos até o fim de sua vida, mas se eliminar, pelo menos, um, já é negócio. Não desperdiçou (tanto) a vida. O mal é que as pessoas, em geral, passam a vida toda com os mesmos defeitos. A pessoa morre aos 80 anos com os mesmos defeitos que tinha aos 20 anos. A pessoa passou a vida toda sendo egoísta, por exemplo, ou intolerante e preconceituosa, ou desonesta, agressiva, ciumenta, fofoqueira, medrosa, ingrata, revoltada, esnobe, invejosa, etc. Enfim, jogou a vida fora, perdeu a oportunidade de se livrar desses pesos que só prejudicam a pessoa, que impedem a pessoa de ser (mais) feliz. Isso é o que mais acontece. A vida passou e a pessoa não mudou. Porque estudar, casar, trabalhar, ter filhos, se divertir, fazer sexo, comer, beber, ver televisão, festejar aniversário... são coisas banais, corriqueiras, que todos fazem. Não há nada de especial nisso.


Mas imagine uma pessoa aos 40, 50 ou 60 anos, por exemplo, aprender a ser grata à vida, a tudo e a todos. Imagine-a, num determinado momento de sua vida, percebendo a importância desse sentimento: a gratidão. Imagine uma mulher, depois de 15 anos de casamento, deixar de ser ciumenta em relação ao marido, porque ela percebeu, através da busca da verdade, que não tem nada a ver ser ciumenta, que ela não ganha nada com isso, que ninguém é de ninguém neste mundo, etc. Imagine um homem que sempre foi desonesto em seus negócios deixar de ser assim, porque, num belo dia, uma luz (a verdade) brilhou em sua vida. Imagine uma pessoa que sempre foi triste e pessimista, de repente, se tornar uma pessoa alegre e otimista. Imagine uma pessoa que nunca ajudou ninguém, um dia, perceber que não pode levar uma vida assim e, então, passa a ajudar as pessoas.


A Terra é uma escola, mas uma escola espiritual. Por trás de tudo o que acontece e que vivenciamos, aqui neste planeta, está o espiritual. E tudo deve visar ao aprimoramento espiritual. O que não visa ao aprimoramento espiritual não beneficia, é estéril, é seco, morre.


É bom lembrar que quando falo em aprimoramento espiritual, não quero dizer que isso esteja ligado ao religioso. Pode ou não. Mas está sempre ligado ao bem. Muita gente se aprimora espiritualmente sem ter consciência disso. São pessoas que procuram agir corretamente e com boas intenções em relação à vida e a tudo. É um sentimento, ou uma percepção, que elas têm, naturalmente, dentro de si.


Resumindo: a vida só vale a pena se você se aprimorar espiritualmente, pois essa é a única finalidade da vida.

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

PAI NOSSO

Gente  Boa e Amiga, 

Com aproximidade do Dia dos Pais quero compartilhar
algo especial que encontrei na NET  neste site .
http://www.mariadenazare1.kit.net/painosso.htm#lembrai

Meus votos que neste dia dos Pais 2010
nós todos  possamos  ser gratos
ao Pai que temos Material e Espiritual !
Abraço



Pai Nosso (3) - Aramaico



É desta oração que derivou a versão atual do "Pai-Nosso". Ela está escrita em aramaico, numa pedra branca de mármore, em Jerusalém, no Monte das Oliveiras, na forma que era invocada
pelo Mestre Jesus.
O aramaico é um idioma originário da Alta Mesopotâmia, ( séc VI ac), e era a língua usual do povo, enquanto o hebraico era mais utilizado em ritos religiosos. Jesus sempre falava ao povo em aramaico.
A tradução direta do aramaico para o português, (sem a interferência da Igreja),
nos mostra como esta oração é bela, profunda e verdadeira, condizente com o Mestre Jesus.


Texto do PAI NOSSO em Aramaico Transliterado


"Abvum d'bashmaia

Netcádash shimóch

Tetê malcutách Una

Nehuê tcevianách aicana

d'bashimáia af b'arha

Hôvlan lácma d'suncanán

Iaomána

Uashbocan háubein uahtehin

Aicána dáf quinan shbuocán

L'haiabéin

Uêla tahlan l'nesiúna.

Êla patssan min bíxa

Metúl dilahie malcutá

Uaháila

Uateshbúcta láhlám.

ALMÍN. "




Tradução do PAI NOSSO, a partir do Aramaico



" Pai-Mãe, respiração da Vida, Fonte do som, Ação sem palavras, Criador do Cosmos !
Faça sua Luz brilhar dentro de nós, entre nós e fora de nós para que possamos torná-la útil.
Ajude-nos a seguir nosso caminho Respirando apenas o sentimento que emana do Senhor.

Nosso EU, no mesmo passo, possa estar com o Seu,
para que caminhemos como Reis e Rainhas com todas as outras criaturas.

Que o Seu e o nosso desejo sejam um só, em toda a Luz, assim como em todas as formas,
em toda existência individual, assim como em todas as comunidades.

Faça-nos sentir a alma da Terra dentro de nós, pois assim, sentiremos a Sabedoria
que existe em tudo.

Não permita que a superficialidade e a aparência das coisas do mundo nos iluda,
E nos liberte de tudo aquilo que impede nosso crescimento.

Não nos deixe sermos tomados pelo esquecimento de que O senhor  é o Poder
e a Glória do mundo,
a Canção que se renova de tempos em tempos e que a tudo embeleza.

Possa o Seu amor ser o solo onde crescem nossas ações.

AMÉM.

quinta-feira, 1 de julho de 2010

DEZ LEIS PARA SER FELIZ de Augusto Cury

O indivíduo é autor de sua própria história e conquista a felicidade através do alcance de uma qualidade de vida no "palco da alma". São felizes as pessoas que são livres do medo, superam a ansiedade, vencem o mau humor, transcendem os traumas. Através de dez ferramentas ou leis o indivíduo pode apaixonar-se pela vida alcançando o padrão de qualidade de vida desejável. A primeira lei ensina a contemplar o belo fazendo das pequenas coisas um espetáculo para os olhos. Nas coisas simples e anônimas se encontram os maiores tesouros da emoção. Segunda lei: tenha um sono reparador , ele renova a energia física e psíquica. A terceira lei orienta a fazer coisas fora da agenda , romper a rotina, quebrar a mesmice. Quarta lei: pratique exercícios físicos e tenha uma alimentação saudável para estimular o metabolismo, produzir endorfina e ter uma vida excelente. A quinta lei aponta a importância de gerenciar a emoção , expandir sentimentos positivos e controlar os negativos, trabalhar a inteligência multifocal responsável pela inteligência emocional. Gerenciar os pensamentos é a sexta lei, capacitar o eu para ser autor da própria história, governar a construção dos pensamentos, ser líder de si mesmo. A sétima lei orienta a proteger os solos da memória cuidando dos arquivos que habitam o RAM (registro automático de memória). Trabalhar perdas e frustrações faz parte da oitava lei; ser feliz não é acaso do destino, mas uma conquista existencial. A nona lei é ser empreendedor , não ter medo de sonhar, aprender com os erros próprios e alheios. A décima lei trata da inteligência espiritual . os maiores enigmas do universo escondem-se dentro de cada ser humano. Através da observação destas dez leis, você aprenderá a jamais desistir de si mesmo, das pessoas que ama, de ser feliz e aprenderá que você é um ser humano especial.
( texto do livro -Dez Leis pra Ser Feliz de Agusto Cury)











No Mar Literário ,
Este é um dos livros da coleção imperdível deste autor maravilhoso !
Abraço

quinta-feira, 17 de junho de 2010

De Bem com a Vida !

http://www.catequisar.com.br/texto/comp/08.htm

Segue este link com um Texto
muito legal a respeito da Arte do Bem viver !
Bom Proveito e Seja Feliz !

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Receita de Dona Cacilda

Dona Cacilda é uma senhora de 92 anos, miúda, e tão elegante, que todo dia às 08 da manhã ela já está toda vestida, bem penteada e discretamente maquiada, apesar de sua pouca visão.


E hoje ela se mudou para uma casa de repouso: o marido, com quem ela viveu 70 anos, morreu recentemente, e não havia outra solução.


Depois de esperar pacientemente por duas horas na sala de visitas, ela ainda deu um lindo sorriso quando a atendente veio dizer que seu quarto estava pronto.. Enquanto ela manobrava o andador em direção ao elevador, dei uma descrição do seu minúsculo quartinho, inclusive das cortinas floridas que enfeitavam a janela.


Ela me interrompeu com o entusiasmo de uma garotinha que acabou de ganhar um filhote de cachorrinho.


- Ah, eu adoro essas cortinas...


- Dona Cacilda, a senhora ainda nem viu seu quarto... Espera um pouco...


- Isto não tem nada a ver, ela respondeu, felicidade é algo que você decide por princípio. Se eu vou gostar ou não do meu quarto, não depende de como a mobília vai estar arrumada... Vai depender de como eu preparo minha expectativa. E eu já decidi que vou adorar. É uma decisão que tomo todo dia quando acordo.


Sabe, eu posso passar o dia inteiro na cama, contando as dificuldades que tenho em certas partes do meu corpo que não funcionam bem...


Ou posso levantar da cama agradecendo pelas outras partes que ainda me obedecem.


- Simples assim?


- Nem tanto; isto é para quem tem autocontrole e exigiu de mim um certo 'treino' pelos anos a fora, mas é bom saber que ainda posso dirigir meus pensamentos e escolher, em conseqüência, os sentimentos.


Calmamente ela continuou:


- Cada dia é um presente, e enquanto meus olhos se abrirem, vou focalizar o novo dia, mas também as lembranças alegres que eu guardei para esta época da vida. A velhice é como uma conta bancária: você só retira aquilo que guardou. Então, meu conselho para você é depositar um monte de alegrias e felicidades na sua Conta de Lembranças. E, aliás, obrigada por este seu depósito no meu Banco de lembranças. Como você vê, eu ainda continuo depositando e acredito que, por mais complexa que seja a vida, sábio é quem a simplifica.

Depois me pediu para anotar:


Como manter-se jovem:

1. Deixe fora os números que não são essenciais. Isto inclui a idade, o peso e a altura.
Deixe que os médicos se preocupem com isso.
2. Mantenha só os amigos divertidos. Os depressivos puxam para baixo.
(Lembre-se disto se for um desses depressivos!)
3. Aprenda sempre:
Aprenda mais sobre computadores, artes, jardinagem, o que quer que seja. Não deixe que
o cérebro se torne preguiçoso.
'Uma mente preguiçosa é oficina do Alemão.' E o nome do Alemão é Alzheimer!
4. Aprecie mais as pequenas coisas
5. Ria muitas vezes, durante muito tempo e alto. Ria até lhe faltar o ar.
E se tiver um amigo que o faça rir, passe muito e muito tempo com ele / ela!
6. Quando as lágrimas aparecerem
Aguente, sofra e ultrapasse.
A única pessoa que fica conosco toda a nossa vida somos nós próprios.
VIVA enquanto estiver vivo.
7. Rodeie-se das coisas que ama:
Quer seja a família, animais, plantas, hobbies, o que quer que seja.
O seu lar é o seu refugio.
8. Tome cuidado com a sua saúde:
Se é boa, mantenha-a.
Se é instável, melhore-a.
Se não consegue melhora-la , procure ajuda.
9. Não faça viagens de culpa. Faça uma viagem ao centro comercial, até a um país diferente,
mas NÃO para onde haja culpa 10. Diga às pessoas que ama que as ama a cada oportunidade.
E, se não mandar isto a pelo menos quatro pessoas - quem é que se importa?
Serão apenas menos quatro pessoas que deixarão de sorrir ao ver uma mensagemsua.
Mas se puder pelo menos partilhe com alguém!!!

( autor desconhecido , recebi por email e adorei !)

ALEGRIA

Alegria é o nome de uma menina ,
narradora  de um livro com cara de diário !
Em cada dia uma história alegre e bonita,
contando as coisas da vida , na voz desta criança !

Autora - Carolina Antunes
Editado pela Secretaria de Estado da Educação SP

















Alegre-se com ALEGRIA !

O Valor de Um Sorriso

Não custa nada e rende muito...
Enriquece quem recebe,
Sem empobrecer quem dá...
Dura somente um instante,
mas seus efeitos duram para sempre...
Ninguém é tão rico que dele não precise...
Ninguém é tão pobre que não possa dar a todos...
Leva a felicidade a todos e a toda parte...
É o símbolo da amizade, da boa vontade...
É o alento para os desanimados,
Repouso para os cansados,
Raio de sol para os tristes,
Ressurreição para os desesperados. ..
Não se compra, não se empresta...
Nenhuma moeda do mundo pode pagar o seu valor...
Não há ninguém no mundo que precise
Tanto de um sorriso,
Como aquele que não sabe mais sorrir...

Um abraço Junino e sorridente para todos !!!
Érica

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Pequeno Prícipe de Antoine Saint Exupérry

" -Os homens do teu planeta -
disse o Pequeno príncipe-
cultivam cinco mil rosas num mesmo jardim...
e não encontram o que procuram...
- É verdade respondi.
-E, no entanto, o que eles procuram poderia
ser encontrado numa só rosa,
ou num pouco de água...
-É verdade.
E o Principezinho acrescentou:
- Mas os olhos são cegos.
É preciso ver com O CORAÇÃO..."
Frases como estas fazem do livro
" O Pequeno Principe",
um tesouro  inesgotável de verdades !
Você já leu ? 
Se não leu leia !
 Se já leu releia !!!
Abraço

domingo, 9 de maio de 2010

ORAÇÃO DAS MÃES

Em Homenagem ao Nosso Dia !
Segue esta oração que achei navengando na net !
Mães só são mães porque existem os filhos !
Portanto,  Meu abraço para todas e todos !
 Pro Érica


"Senhor, fazei que eu me lembre mais
das minhas responsabilidades do que
dos meus privilégios.
Que eu saiba amar
meus filhos sem intenção
alguma de possuí-los.
Que eu conquiste o respeito dos
meus filhos em lugar de exigi-lo.
Que eu seja compassiva e compreensiva
ante os defeitos deles, sendo forte
também em corrigi- los, não tendo nunca
amor de "vista grossa", o triste falso amor
que sabe apenas fazer todas
as vontades das crianças.
Que eu tente projetar no coração
de meus filhos a vossa imagem de Pai
e que a minha imagem de mãe seja
um reflexo de vossa imagem de Pai.
Que eu os faça crescer, estes meus filhos,
bem mais por dentro do que por fora.
Que eu saiba dialogar
bem mais do que ensinar.
Que a fertilidade do meu ventre não seja
maior que a sublime fecundidade da
minha alma de mãe.
E que esta alma de mãe seja uma cópia do vosso
grande coração de Pai.
Amém."

(Extraído de a "Vida Iluminada"
Página publicada em 10.07.04)
http://www.elisabethsalgadoencontrandovoce.com/oracao_das_maes.htm

quarta-feira, 5 de maio de 2010

M Ã E

















Para ti, mãe, escrevi este poema
É muito pouco para expressar o que sinto
Talvez seja um grão de areia no oceano
Não traduz todo o meu amor tão profundo
Diante do que para mim fostes no mundo!
A ti devo o que sou e o que tenho
Deste-me a vida, o carinho, a mão amiga
Hoje sei que estás de mim muito distante
Mas enquanto nesta vida eu existir
Tu estarás sempre comigo a cada instante!
Apesar de não poder mais te abraçar
Nem tuas mãos e teus cabelos afagar
Trarei sempre viva em mim tua lembrança
Pude estar ao teu lado desde criança
Em meu peito hás de sempre ter lugar!
Desde a tarde de domingo em que partistes
Dói a saudade e o meu ser se entristeceu
Dentro de mim deixastes imenso vazio
Que faz a lágrima brotar dos olhos meus
Mas reconforta-me, mãe, a grande certeza
De que no céu vives feliz junto de Deus!
                       (Lourdes Neves Cúrcio )

Mãezinha aonde quer que estejas agora ,
este poema me fez lembrar de Ti minha Amada !
Coloco ele aqui neste Blog ,
sentindo Gratidão em meu coração  por ti e   
Em Homenagem as boas  MÃES
que habitam o céu e a terra !
Érica

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Malba Tahan

Você sabia que Malba Tahan é brasileiro ?

Pois é, ficou famoso com cara de oriental !

Este nome é um pseudônimo do Professor
de matemática Júlio César de Mello e Souza
 Ele é autor de mais de 20 livros
sobre os costumes e lendas do povo árabe.

Os livros dele encantam jovens e adultos,
Histórias que ensinam a sabedoria milenar,
A matemática e os valores morais e espirituais,
O que todos procuram sem saber e
Que este mundo de hoje tanto carece !


Indico este livro de contos,


Os Melhores Contos
de Malba Tahan















Boa leitura !
Abraço

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Crianças Invisíveis

Indico este filme, Crianças Invisíveis, para pais , educadores e jovens, pela forma como aborda as influências da família ou da inexistência dela , o sentimento genuíno  da criança  frente a realidade nua e crua do mundo !
Este filme é doce, amargo, denso , suave, tocante, real, uma obra prima, atual, emocionante !

"Verdades que são iguais em todo mundo, mas que muitos preferem não ver , imperdível ! "
"a capacidade infantil para a alegria, a diversão, a camaradagem"
Sete curtas , 7 lições de vida retratadas por cineastas de sete países que tratam da infância,
com crianças marginalizadas em diferentes níveis. Feito com o apoio do UNICEF.
Para maiores de doze anos ,( E esta no acervo das Escolas Estaduais Paulistas )


RESENHA CRÍTICA DO FILME "CRIANÇAS INVISÍVEIS"

por Marcelo Hailer - marcelo.hailer@gmail.com
CRIANÇAS INVISÍVEIS - (Paris Filmes)
All the Invisible Children
CRÍTICA: CRIANÇAS INVISÍVEIS - Sete países, sete diretores, sete realidades infanto-juvenis retratadas em histórias curtas, mas, todas com grande profundidade no que tange o mundo criança dos respectivos países.
“Crianças invisíveis” com suas realidades próprias, porém, o grande mérito do trabalho é mostrar de forma franca e objetiva estes inícios de vidas, nos emocionamos, choramos e às vezes sorrimos, pois lembramos de que já fomos crianças, de que um dia já confiamos com amor e inocência.
As crianças aqui retratadas pertencem a países distintos entre se, principalmente no que diz respeito à realidade socioeconômica, mostra também de forma nua e crua a relação destes personagens com os seus pais, isto quando tal relação existe.
Eis uma questão pertinente em todas as histórias: que as famílias como nós conhecemos, em sua maioria, já se esfacelaram, todos nós sabemos, porém quem são os pais de hoje? E as crianças, como estas se relacionam com o mundo atual, tão agressivo, que afoga crianças e adolescentes num mundo perverso e consumista, que desde cedo joga uma serie de escolhas em cima do futuro jovem do mundo...
E mais, como vivem os pequenos, que em uma realidade miserável, vive a ausência de bens materiais, sem brinquedos e vídeo game, ou seja, um mundo de exclusão infanto-juvenil, mundo este que já no começo é corroído, crianças que vivem a margem das drogas, armas, pais viciados, malandragem, consumismo, fazer amigos...
As crianças invisíveis da metrópole, da África do Sul (Meldy Charef) a Servia-Montenegro (Emir Kusturica), dos Estados Unidos Spike Lee) ao Brasil (Kátia Lund), da Inglaterra (Ridley Scott) a Itália (Stefano Veranuso) e deste a China (Jonh Woo), histórias distantes uma das outras, mas todas um retrato fiel às crianças do mundo atual, obra de grandes personagens e histórias, de seres tão jovens e tão sofridos, que ainda assim, buscam a alegria das mais diversas formas, um certo brilho que se apaga na maioria das vezes, esquecemos de que já fomos crianças, perdemos a nossa inocência.
Todos estes sentimentos e questionamentos estão no filme “Crianças invisíveis”, crianças jogadas em um mundo que se destrói diariamente, que prostitui e escraviza estas crianças invisíveis, estes personagens da vida real não fazem parte do plano do G8 e cia, apenas a macroeconomia importa, enfim, a pergunta: quando estas crianças tiverem os seus 20 anos, que mundo vão encontrar?
Título Original: All the Invisible Children
Gênero: Drama
Duração: 116 min.
Ano: Itália - 2005
Distribuidora: Paris Filmes
Direção: Mehdi Charef, Kátia Lund, John Woo, Emir Kusturica, Spike Lee, Jordan Scott, Ridley Scott e Stefano Veneruso

terça-feira, 20 de abril de 2010

Prece dos Indios Cherokees..


               DEUS ESTÁ FALANDO COM VOCÊ!!!
      (Prece Indigena - Tradução e adaptação do Livro By San Etioy)

Um homem sussurou: Deus fale comigo.
E um rouxinol começou a cantar
Mas o homem não ouviu.

                                       Então o homem repetiu:
                                       Deus fale comigo!
                                       E um trovão ecou nos céus
                                       Mas o homem foi incapaz de ouvir.

O Homem olhou em volta e disse:
Deus deixe-me vê-lo
E uma estrela brilhou no céu
Mas o homem não a notou.

                                       O homem começou a gritar:
                                       Deus mostre-me um milagre
                                       E uma criança nasceu
                                       Mas o homem não sentiu o pulsar da Vida.

Então o homem começou a chorar e a se desesperar:
Deus, toque-me e deixe-me sentir que Você está aqui comigo...
E uma borboleta pousou suavemente em seu ombro.
O homem espantou a borboleta com a mão e desiludido
Continou o seu caminho triste, sozinho e com medo.

Até quando teremos que sofrer para compreendermos que Deus está sempre  aonde está a Vida ?
Até quando manteremos nossos olhos e nossos corações fechados para  o milagre da Vida, que se apresenta diante de nós em todos os momentos ???
                
                                Neste "Aqui e Agora"
                              um Grande Abraço com sentimento
                                               de ...VIDA !!

O Violino Cigano

E outros contos de mulheres sábias !
Recontados por Regina Machado
ilustrados por Joubert
Editora Cia das Letras















Uma coletânea de contos contados e recontados
atravéz do tempo pela tradição oral
e com protagonistas femininas !
Este livro é encantadoramente especial ! 

ALEXANDRE SEGRÉGIO - Arte Contemporânea

Abra e veja que lindas
as obras de arte expostas neste site !
www.alexandresegregio.art.br
Abraço
Pro Érica

terça-feira, 13 de abril de 2010

VIRTUDES ( Eva Furnari)

Dizem que há cinco virtudes no mundo:
sabedoria, justiça, respeito, honestidade e benevolência.
Antigamente, no tempo de nossos pais e avós, essas virtudes eram cultivadas em casa. A igreja estava por trás e pregava os bons costumes. Idosos deviam ser respeitados, o pai era o chefe, sabia das coisas, a escola exigia disciplina. Havia regras para tudo: como falar, como comer. Palavrões nem pensar e colocar os cotovelos na mesa era feio. Estava tudo tão claro que não precisava nem explicar.
Nosso mundo, porém, está em constante mudança e nas últimas décadas, houve grandes alterações sociais, econômicas e tecnológicas. A fé em Deus transformou-se em fé na ciência. Deus e o Diabo foram aparentemente depostos e com isso o Céu e o Inferno deixaram de ser prêmio e punição.
O conhecimento da psique trazido pela psicologia teve um efeito fundamental na educação. Trouxe consigo mais consciência, flexibilidade e compreensão. Houve, porém, efeitos colaterais inevitáveis. De uma forma estereotipada e simplista pais e professores foram tomados pelo medo de traumatizar as crianças. Os educadores em geral deixaram de dar tantos limites e regras, talvez na ilusão de não causar sofrimento a elas, como para poupá-las do lado mais duro da vida. Generalizou-se a noção de que dar amor é proporcionar diversão, lazer e conforto material. Esqueceu-se de que tudo tem dois lados.
A formalidade foi, em grande parte, abandonada. As virtudes se tornaram coisas antiquadas, obsoletas e o controle das emoções e dos desejos foi largamente afrouxado.
Toda essa mudança na educação teve suas conseqüências boas e más. Se por um lado a educação atual proporciona o desenvolvimento da agilidade mental e criatividade, gerando jovens criativos e inteligentes, por outro peca na formação humana, gerando jovens com insuficientes valores de respeito e compaixão.
Muitas crianças passaram a ocupar um espaço grande demais, que não lhes pertence, e passaram a ter um poder inadequado nas mãos. Há até aquelas que chegam a mandar nos pais. São crianças órfãs, com excesso de liberdade, com desorganização interna, paradoxalmente escravas de suas próprias emoções.
E agora nós, educadores, nos perguntamos, como é possível errar com tanto amor e tão boas intenções?
Vemos que é necessário entender o que acontece. Será importante, nos dias de hoje, não colocarmos os cotovelos na mesa? Não, isso agora não tem grande valor. Será que é importante respeitar os mais velhos? Sim, sabemos que isso ainda é importante. Estamos num momento de ressignificação dos nossos valores, para que reavaliemos os que são essenciais, verdadeiros e saudáveis.
Agora somos seres mais completos, sabemos mais de nossa sombra e nossa luz. Conhecendo melhor nossas emoções, temos mais liberdade, mais intimidade e não queremos perder essa conquista. É bom conhecer as próprias emoções, não negá-las, mas é bom saber que existem formas adequadas de manifestá-las.
E como encontrar um jeito bom de ensinar as crianças a ocuparem o próprio espaço e respeitar o do outro? Como despertar a consciência da coletividade, da compaixão? Essa é uma tarefa de todos nós, é um caminho que se faz espontaneamente se nossas intenções são sinceras. Nós, educadores, estamos revirando nosso lixo, revendo algumas regras que jogamos fora e que queremos de volta. As respostas a essas perguntas tão complexas serão encontradas à medida que conhecemos e estudamos mais sobre nossa própria natureza. As crianças de hoje são muito espertas, livres, e o melhor argumento que nos restou foi a verdade.
A escola muitas vezes tem a ingrata tarefa de substituir a família ausente ou despreparada. O professor é o grande herói dos dias de hoje, pois a despeito das difíceis condições de trabalho, sua paixão supera tantas dificuldades.
Nessa incrível missão de educar, há momentos em que o professor se une ao escritor e a alquimia acontece.
O livro infantil, que aparentemente é o espaço do sonho, é na verdade o espaço de discussão da realidade. As fadas, as bruxas, a força dos heróis, a crueldade dos bandidos são formas simbólicas de falar de nós mesmos.
O professor se apropriou sabiamente desse espaço para discutir as questões humanas. O professor, usando o trabalho do escritor, pode comover, esclarecer, alertar, dar esperanças, fortalecer a fé. É como educar com arte. As ferramentas são a poesia, as metáforas, a estética, a palavra. Ferramentas essas que podem abrir as portas do coração.
Um bom livro fala da natureza do humano e fala direto ao coração e por isso mesmo ele pode despertar a consciência e cultivar virtudes como a sabedoria, justiça, respeito, honestidade e benevolência.
O livro infantil é um espaço precioso e o professor é o mensageiro que o leva até a criança e está junto com ela nessa aventura.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Içami Tiba


Içami Tiba é psiquiatra e educador.
Escreveu "Família de Alta Performance",
"Quem Ama, Educa!" e mais 25 livros.
http://www.tiba.com.br/
É um educador muito sábio, suas palavras tem coerência com os dias de Hoje ,  a mente contemporânea de pais & filhos  precisa de quem a oriente, num mundo aonde vale tudo e não vale nada , algo que o valha !
Escolha um dos títulos de sua autoria  e Boa Leitura !
Ab,
 Pro Érica